sexta-feira, 19 de novembro de 2010

...criamos expectativas em cima de incertezas e nos frustramos depois?

Segundo o dicionário online Priberam:
Expectativa = Esperança baseada em supostas probabilidades ou promessas.
Incerteza = Estado de coisa incerta (duvidosa)
Frustração = Ficar sem resultado. Perder-se prematuramente. Privar (a outrem) o que o mesmo espera.

Não consigo mais contar nos dedos o quanto já me frustrei por acreditar em coisas incertas. Tenho certeza que não sou o primeiro a passar por isso e, não serei o último. Às vezes, por querer pensar positivo e tentar ter fé de que algo dará certo, apostamos todas nossas fichas em incertezas e acabamos abalados quando o que esperamos não ocorre como planejamos.

Como conseguimos cair sempre na mesma armadilha? Será que não cansamos de dar de cara no muro quase todas as vezes? Até quando continuaremos criando essas malditas expectativas? Praguejamos, xingamos, às vezes gritamos para o nada, mas do que tudo isso adianta se não criamos vergonha na cara? Ah pois é! Não sei. A única certeza é que estou passando pela última fase do ciclo: a maldita FRUSTRAÇÃO.

Andei passando bons momentos que me fizeram criar a EXPECTATIVA. E, em determinado tempo imaginei que o que estava planejando poderia dar certo ou errado. Logo, a maldita expectativa foi aumentando por pequenos detalhes que apareceram no decorrer do mês. Mas hoje, levei um banho de água fria com a tal da frustração.

Não fui o único que passei por isso hoje. Uma amiga minha também está enfrentando a frustração no ambiente profissional. E, não quer mais cair nessa brincadeira novamente. Duvido! Temos apenas duas diferenças nisso tudo. Ela está frustrada no âmbito profissional, mas em contra-ponto o seu pessoal está ótimo. Eu, no profissional estou me considerando muito bem, já o efetivo/pessoal está literalmente uma bu#&%@. Falei! Espero que sirva de lição (novamente) e que daqui pra frente a vergonha na cara prevaleça um pouco mais em ambos.

Pessoas: mais juízo & orgulho. Por outro lado, menos humilhação & disponibilidade para quem TALVEZ não saiba aproveitar.

Estava há mais de dois meses querendo postar algo sobre esse assunto, mas sempre que começava a escrever, alguém me colocava para cima e acabava apagando tudo. Mas hoje foi!

Um exemplo do parágrafo acima ocorreu hoje. A "Prof" me ligou na parte da tarde afim de me avisar que estaríamos no Capadócia à noite. Eu de início disse que não iria. Mas, falando com a "Dmenor" há alguns minutos atrás tive certeza de que o melhor lugar para estar no momento é na companhia das pessoas que fazem valer cada minuto que tenho de vida.

Felizmente não me deixei levar pelo carinho amigo e consegui finalizar esse post! Deixo para vocês um vídeo muito massa que uma "amiga" me mandou semana passada. Espero que gostem.

Beijonez e era isso!! =D


Nenhum comentário: