domingo, 2 de janeiro de 2011

...mais um ano chega ao fim?

Considerem esse post, o último de 2010. ;)

Nem acredito que já estamos comentando sobre isso. Como o ano passou rápido, cruzes! Pois é! Tanta coisa aconteceu em minha vida que infelizmente não tenho espaço suficiente para descrever tudo aqui. Mas vou tentar, em poucas palavras, colocar um pouquinho do meu 2010.

Já comecei o ano muito mal. Não comemorei a virada 2009/2010 por vários acontecimentos do dia 31 que me levaram a crer que eu devia mesmo era ficar em casa. Ou seja, não vi virada, não vi fogos, não desejei "Feliz Ano Novo!" a ninguém, apenas dormi e acordei no ano seguinte. Na primeira semana fui assaltado, levaram meu salário e meu celular que eu tanto amava. Dali por diante vi que esse não seria mesmo o meu ano. Em contra-ponto, conheci uma galera total sem noção que fez meu verão se transformar em algo fora do comum. Foram muitos risos, muita bebedeira, muitas viradas de noite na piscina do Espaço Irion e ainda por cima, ganhei um apelido que pegou em todos os cantos, menos trabalho.

Na sequencia, tive alguns desencontros com amigos de Canoas e São Léo que me deixaram muita saudade e algumas marcas por nem nos olharmos mais. Mas em relação a isso, ainda espero que um dia eu tenha a chance de ter pelo menos um conversa. No campo profissional, tive uma grande surpresa. Ganhei uma chefe maravilhosa que se demonstrou uma amiga de verdade - para todas as horas mesmo - e uma equipe que não tenho palavras para descrever. No decorrer do ano, nosso grupo de amigos passou por uma situação um tanto quanto chata e difícil, mas que se Deus quiser, aos poucos tudo irá se ajeitar.

Enquanto alguns amigos iam embora, outros chegavam, como por exemplo Árley, Cássyo e Doug (tão tímido quando entrou no grupo, já hoje, prefiro não comentar). Hehehehe. Ganhei muitos conselhos do Mau e do Júlio, não há como esquecer, pois até me viram chorando (vergonha).

No trabalho, muito me diverti com o pessoal. Ganhei uma irmã mais velha, que ao mesmo tempo é mais nova (né, Manu?). Ri litros com uma nova amiga sem noção nos nossos cigarrinhos diários (correto Elisa?). Vários debates com duas outras parcerias do fumódromo (Mi e Lu) que nunca dão risada das minhas piadas, mas tudo bem! Sem contar os imensos momentos com a chefe. Momentos quais não têm preço. Tantas bandas de carro, tantos almoços, tantas compras, tantos conselhos, tantas gírias, tantas "birras", tantos empréstimos...haushaushuahs... Pois bem, na área profissional não tenho mesmo do que reclamar.

O ano finda e com ele seguro apenas as lembranças boas. Lembranças do trabalho conquistado, lembranças do verão maravilhoso, lembranças dos amigos que ficaram, dos amigos que se foram e dos amigos que chegaram. Lembranças do bar, o tão comentado Capadócia. Gente, quanta coisa rolou nesse bar, quanta história começou naquela rua. Deh e Kaká nos aturaram o ano inteiro e pelo que me parece, continuarão aturando por um bom tempo ainda. =D

Comecei o ano achando que seria um ano muito ruim, mas pelo contrário, foi ótimo. Passei por algumas crises - não nego - mas consegui dar a volta por cima sempre de cabeça erguida, pois tenho o que poucas pessoas tem o privilégio de conquistar: Amigos!

Tinha tanta coisa que eu queria escrever, mas infelizmente o momento não permite (uhasuhuahsuhs). Só espero que 2011 seja tão bom quanto foi 2010 e que a vida nos permita viver tudo intensamente.

Minha dica para 2011: VIVA! Viva tudo com a maior energia possível. Viva como se não houvesse o amanhã, pois ele é incerto. Não deixe de aproveitar cada minuto de sua existência se preocupando com o que irão falar de você. Esqueça as pessoas invejosas e mal-amadas que não têm coisa melhor para fazer do que olhar para os outros e não cuidar do próprio rabo. Falei!

A todos os amigos um Feliz 2011! E que Deus continue olhando por nós e tornando nossas vidas cada vez mais loucas!

AQUELE ABRAÇO!!!!


5 comentários:

Douglas disse...

Baseado em que prefere não comentar?! SUahushuahsuhahuhsa...

Um dos melhores presentes desse ano, que para mim foi ruim, foi ter a sua amizade e por nada nesse mundo eu a trocaria! Você conquistou esse coraçãozinho e terá que aguentar... Hehehe...

Que venham muitos e muitos outros anos, e que a nossa amizade se torne cada vez mais forte!!!

Vivian Carvalho disse...

Apesar de não ter sido nem mencionada nesse post, me emociono pois vivi contigo boa parte dos momentos que tu descreveu e que aparecem no video. 2010 foi um ano complicado, mas o que fica dele são só os aspectos positivos. Dos negativos a gente leva o aprendizado e era isso. Feliz 2011 pra nós!

D'Menor disse...

Fique muito emocionada tbm na parte que tu fala de mim....quase chorei...ahh..ops...tu não falou de mim...tudo bem!

Junior disse...

Estou começando a ficar de cara com meu próprio blog. Todos reclamam que não falo de todo mundo.
Em um post um reclama que não aparece, em outro post, outro reclama que não aparece. Meu dellss.. To começando a ficar tenso com isso.
Se vocês não aparecem no post, dêem uma olhadinha no vídeo, quem sabe estejam por ali.
Beijão pra todo mundo!!
AmoooO voces!

P.S: Vivi, você já teve um post só teu!
Dmenor, estou providenciando um post único para você tbm!

Rosa, M. disse...

Queridão...adorei, me emocionei tb. Se não somos devidamente mencionados é pq já fazemos parte de sua vida e não há necessidade de publicar nomes, uma vez que os fatos já falam por si mesmos. Você tem um dom precioso, o qual permite com que saibamos de forma transparente o que vc sente. Que em 2011 Deus continue estravazando suas bençãos sobre vc, para que vc continue a nos abençoar com seu jeito simples de ser. Te amo amigo.